terça-feira, 21 de março de 2017

21/3 - Aécio tem 'rede familiar' de corrupção

Os Amigos do Presidente Lula


Posted: 20 Mar 2017 03:12 PM PDT


Como chamar a rede familiar montada pelos Neves para o recebimento de "repasses"? Seria nepotismo de corrupção?

Mal a semana terminou, a imprensa vazou a "Lista do Janot". Com os depoimentos de Marcelo Odebrecht e Henrique Valladares, ex-executivos da Odebrecht, na Procuradoria-Geral da República, divulgada neste domingo, Aécio se tornou o campeão de pedidos de investigações para o Supremo Tribunal Federal (STF) na lista do procurador-geral da República, Rodrigo Janot....

.. Dois nomes citados no documento foram blindados e ocultados na imprensa, que usam e abusam nas manchetes  expressões como "amigo de Lula", "filho do Lula", "parente de Lula", "aliado de Lula’, numa tentativa de associar o ex-presidente a denúncias de corrupção.

Pois mais uma vez a mídia tradicional não fez a mínima questão de informar que entre os destinatários de pagamentos listados estão a ex-sogra e a ex-cunhada de Sérgio Cabral. A primeira é Angela Neves Cunha, irmã do presidente do PSDB. A segunda é sobrinha de Aécio, Nina Neves.Em janeiro passado, início da Operação Eficiência, a ex-mulher de Cabral, Susana Neves Cabral, neta de Tancredo Neves, prima do vice-governador do Rio, Francisco Dornelles (PP), e do senador Aécio Neves, foi conduzida coercitivamente para prestar depoimento na Polícia Federal e Ministério Público Federal do Rio.Continue lendo aqui

Posted: 20 Mar 2017 03:13 PM PDT

Neste domingo (19),  Michel Temer convocou a imprensa, chamou ministros e embaixadores   de países que importam os produtos brasileiros para rebater a operação Carne Fraca da Policia Federal. No final da entrevista, Temer convidou os embaixadores  para jantar em uma churrascaria para provar que podem continuar comprando a carne do Brasil que não há problema no consumo de produtos de origem animal fiscalizados pelo Ministério da Agricultura. Mas  a encenação do Temer não resistiu um dia. Hoje, o jornal O Estado de São Paulo, estampou manchete: "“A gente não trabalha com carne brasileira”, diz gerente de churrascaria de Temer" Ou seja. Temer faz propaganda de carne importada de outros países aos compradores de nossas carnes.

 Rodrigo Carvalho, um dos gerentes da churrascaria Steak Bull, afirmou que o restaurante não serve carne bovina brasileira, “só trabalha com corte europeu, australiano e uruguaio”. Disse ele: “A gente trabalha com transparência, quando a senhora vir aqui, pode me procurar que eu mostro a nossa câmara fria, mostro nosso açougue”.

O presidente Michel Temer levou neste domingo uma comitiva para a Steak Bull com o objetivo de referendar a qualidade da carne nacional, após a Operação Carne Fraca, da Polícia Federal, revelar irregularidades envolvendo frigoríficos.



Leia a íntegra:

Boa noite, gostaria de saber da procedência da carne servida na churrascaria…
As nossas carnes são red angus, picanha australiana, picanha uruguaia… A gente não trabalha com carne brasileira, só   européia, australiana e uruguaia. 
Há uma preocupação…
É eu sei, eu vou facilitar para a senhora. Eu trabalhei dez anos no Porcão, dois anos no Fogo de Chão. A gente não trabalha com marcas nacionais, mesmo porque a qualidade delas caiu há três anos, é só marketing mesmo.
Entendi…
A gente trabalha com transparência. Pode me procurar que eu mostro a nossa câmara fria, mostro nosso açougue.
Nem a costela é brasileira?
A costela nossa é uruguaia. A gente estava trabalhando com uma costela (marca nacional), mas de boi europeu. Fique à vontade para conhecer nossos açougues, nossas carnes. Você chega aqui e a gente mostra com transparência. Os áudios da conversa


Nenhum comentário:

Postar um comentário