terça-feira, 25 de julho de 2017

25/7 - O CAFEZINHO ( ESPECIAL 2)

Visualizar no navegador
 
 
["Miguel Barbosa"]
 
 
Realidade paralela e lucrativa da mídia
 
Folha e Globo, principais jornais do país, criam uma realidade midiática paralela, onde o desemprego não é debatido, onde não existem brasileiros. Ambos continuam presos à agenda da Lava Jato, usada como arma para forçar a classe política a aprovar, à força, reformas econômicas brutais. É um jogo de sombras. Segundo a Monica Bergamo, o governo já gastou os R$ 200 milhões de publicidade federal (sem contar as estatais) que tinha para gastar o ano inteiro. Marcio Freitas, titular da Secom, disse que o governo pedirá verba suplementar ao congresso, informando que, em 2016, a verba do ano inteiro havia  sido quase gasta (85%) em maio. Folha e Globo também estão cheios de matérias para explorar a condenação de Lula. Um colunista da Folha atribuiu a atual crise econômica ao PT. A audiência pública no BNDES de ontem, com participação do scretário de Política Econômica, é totalmente distorcida na grande imprensa. Nela, há informações que deveriam ganhar destaque nas capas dos jornais. O presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, por exemplo, disse que "não há mais investimentos" no Brasil, nem público nem privado. Na audiência, as falas de Fabio Kanczuk, secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda, eram recebidas com um silêncio agressivo pela plateia, formada por servidores do BNDES. Kanczuk revelou-se incrivelmente desonesto e infantil. Diante das críticas do presidente da Abimaq, José Velloso, ou de Felipe Salto, consultor, ele ria de forma bizarra. Era o único que ria, em toda a audiência, de resto tomada por um espírito de profunda seriedade e preocupação com a situação econômica e social do país. 
 
Receber Cafezinho Spoiler por Whatsapp (R$ 30)
 
 
Faça uma assinatura do Cafezinho, para manter o blog sempre forte e independente! Clique aqui! 
 
 
 
 
Este e-mail foi enviado para jfabelha@terra.com.br
Você recebeu este e-mail porque está registrado no blog O Cafezinho
 
 
Enviado pela
SendinBlue
 
 
© 2017 Miguel Barbosa
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário