terça-feira, 1 de agosto de 2017

1/8 - "TRÁFICO INTERNACIONAL DE QUEIJOS":

FONTE:Abreu <carantabreu@gmail.com>


"TRÁFICO INTERNACIONAL DE QUEIJOS": DA CANASTRA PARA O MUNDO.: DA CANASTRA PARA O MUNDO.

"Apresentamos mais de 80 queijos, porque todo mundo levou queijo na mala, o concurso concedeu a licença especial de novo para esses queijos poderem ser apresentados, que são queijos que não tem direito de sair nem de Minas Gerais, muito menos do Brasil, então, quer dizer, foi um ‘tráfico internacional de queijo’ de novo, ganhamos 12 medalhas, foram 11 produtores, porque um queijo ganhou 2 medalhas, que é o queijo da Marli de Araxá, ele ganhou 2 medalhas. Para nós, foi um conforto muito grande ganhar essas medalhas, eu não esperava tanto."

Prezado Amigo Flávio,

E aqui no Brasil, "a ignorância sanitária" pratica a proeza de combater o queijo canastreiro que lá fora ganha uma dúzia de medalhas.

Haja paciência para aguentar tamanha imbecilidade.

Saudações,

Carlos Abreu

DÉBORA CARVALHO PEREIRA - ESPECIALISTA EM QUEIJOS.








Nenhum comentário:

Postar um comentário